sábado, 8 de dezembro de 2007

São Paulo - A noite

Tendo eu primas e primos de todas as idades testei todos os tipos de noite possiveis em São Paulo! Quando digo tipos, significa de todas as idades, com todos os tipos de musica, diversos ambientes... bem... tudo mesmo!
A Primeira noite lá fui a um bar com pista, frequentado por pessoas mais velhas. Havia apenas um grupinho de 2 ou 3 rapazes que me pareceram mais ou menos da minha idade (feios que doi!!!!!!). Em Portugal quando se vêm quarentões e cinquentoes, têm todos ar de bancários ou homens de negócios, sim porque geralmente são homens, e são quase sempre vistos em bares de malta nova. Pois no Brasil o habito de sair não se perde com a idade, o que acho muito bem, e existem então locais mais frequentados por esta gente, onde a unica diferença é que as conversas sobre as aulas são trocadas pelas sobre o trabalho de cada um! O resto está tudo lá... senhoras muito bem arranjadas... senhoras pirosas... senhoras discretas... e homens, muitos homens à caça da sua presa, só para dançar ou algo mais, caso a vitima, não seja afinal uma vítima e o permita. Quando os slows ou o sambinha toca a senhoras ficam sentadas à espera do convite dos cavalheiros e só quando de vez em quando a musica mexida assalta a pista, estas vão dançar em grupos. E tal como nas nossas discotecas portuguesas dança-se muito, canta-se muito, beija-se muito, engata-se muito e é uma alegria. Entrando em pormenores da minha noite, o Corinthians, clube grande do Brasil estava a jogar e senão ganhasse ficava à beira da segunda divisão! Então era ver a pista inteira a dançar... virados para o ecran gigante onde passava o jogo. A noite teve diferentes momentos e de vez em quando entrava uma banda que tocava Samba, pagode ou forró e era ver o vocalista virar a cabeça para o ecran a cada 4 linhas da letra! Muito engraçado. O Corinthians acabou por perder (uma semana depois perderia também descendo mesmo à 2ªdivisão), o ambiente perdeu-se e fomos para casa cedo por falta de comparencia de gente gira! Ainda assim foi uma experiência engraçada.
A segunda noite fui raptada pelo meu primo, 3 meses mais velho que eu! Tinha-me dito que iamos sair com uns amigos dele para um clube conhecido da cidade, jockey club. Entusiasmei-me, claro! Gostei do local, que apesar de pequeno era muito giro. Nesse dia não havia DJ mas sim uma banda a tocar sambinhas e afins. Optimo, pensei! Musica de DJ tenho eu o ano todo na europa. Os amigos que ele me falou eram apenas 2, um deles chefe dele, e passaram os 3 a noite inteira a comentar toda a gaja que passava. Eu sorria... primeiro teve piada, mas ao fim de 10 minutos já estava enjoada! Um deles ainda meteu conversa comigo mas muito pouco e eu tornei-me quase transparente. A coisa piorou quando o chefe dele lhe propôs um desafio... beijas uma rapariga hoje e amanha não tens que ir trabalhar! Ora, nunca ninguém da minha familia recusaria um desafio destes e lá foi ele em busca de novas amigas. As primeiras duas falharam, mas à 3ª acertou pois ela estava ali sozinha e também estava a precisar companhia. 10 minutos depois de estarem à conversa o chefe foi informar a mocinha que havia ali um desafio no meio... ela não ficou minimamente importada, pendura-se ao pescoço do meu primo e desatam aos beijos!!! Muito bem priminho... já podemos ir? Nah... A seguir os outros dois cromos vão-se embora e como nenhum sabia onde eu morava, nem eu própria, lá fico eu em pé, no meio de um bar, à espera que o meu primo acabe de comer uma gaja! Claro que eu fui simpática e disse-lhe para estar à vontade... e ele esteve... Meia hora depois lá se lembrou de mim, apresentou-me a moça e saímos os 3! Lá fora ainda fiquei outra meia hora à espera que trocassem numeros e as ultimas gotas de saliva e depois fomos finalmente para casa! No dia a seguir disse-me bom dia todo envergonhado!!! Pois...
Noutra noite fui até ao Banespa, como já falei no post do meu aniversário. Essa sim valeu muito a pena. Aprendi a dançar, descobri que tenho samba no pé... e nas veias e conheci gente muito muito simpatica!
Da próxima estão prometidas saídas com os outros primos, nomeadamente com o da feijoada e pagode, o que promete... vamos lá ver quando!!!!!

1 comentário:

Bruno Raposo disse...

Ena... tanto detalhe de engate... Valeu a pena e ele não foi mesmo trabalhar no dia seguinte?
;) beijo