domingo, 11 de outubro de 2009

Casamento à polaco - Os jogos

Á meia noite em ponto os convidados reunem-se em volta dos noivos, que se sentam em duas cadeiras no meio da pista. Primeiro as raparigas e depois os rapazes, solteiros, dançam em volta deles. Quando a musica pára a noiva atira o ramo, e mais tarde o noivo a gravata. Quem apanha casará a seguir e tem direito à sua dança (o rapaz e a rapariga que apanharam as coisas).
Poderia ficar por aí... mas não! Os polacos são divertidíssimos e fazem jogos para entreter o pessoal.
Primeiro sentaram os noivos de costas um para o outro, cada um com um cartão vermelho e azul na mão. Ás perguntas que lhe faziam do tipo "quem é o preguiçoso lá em casa" e "quem é que tem sempre dores de cabeça", os noivos tinham que responder se era ela (cartão vermelho) ou ele (azul). Se ambos mostrassem o mesmo cartão, seguiam para a pergunta seguinte, se falhassem, as testemunhas bebiam um shot de vodka. Obvio é que as perguntas foram feitas para serem falhadas e o casal de testemunhas ficou a ver o mundo às voltas depois deste jogo.
A seguir houve o vestir das cuecas da avó, onde o casal mais lento era excluido até se acharem os vencedores e o jogo da familia (ver videos). Neste ultimo cada par tinha um papel (pai, mãe, filho, filhas, sobrinho, pato, elefante), e o locutor lia um texto. Cada vez que se referia a alguma das personagens elas tinham que se levantar, correr em volta dos outros e voltar a sentar-se. Parece simples, mas é de morrer a rir. Principalmente quando eram lidas palavras como todos, pessoas, crianças, animais, onde se levantavam mais que um casal.
Esta parte foi sem dúvida bem melhor que em Portugal, onde nos limitamos a dançar, e a morrer de cansaço (precisamente por não haver pausas), e a ver a pista com meia duzia de gatos pingados. A energia deste povo também foi contagiante e só mesmo o baixo nivel de sangue no alcool fez com que o pessoal começasse a recolher perto das 5h da manhã.

video
videoAlinhar ao centro

Sem comentários: